Procurar por:
Watts que gastamos para ir e vir

Rafael Vergne Viana

Este assunto é amplamente discutido no mundo automobilístico e, este mês, trago esta novidade. Quero falar sobre a Ford, que com uma série de lançamentos clássicos, trouxe de volta um período de ouro da fábrica, de Detroit. A empresa anunciou a chegada do executivo Jim Farley, que tem a tarefa de mudar o destino da montadora.

A gigante passou por maus bocados num passado recente, e foi muito criticada em manter no comando da empresa um dirigente fora do setor automotivo. A Ford esteve à beira da falência, durante o período de recessão que teve início em 2008.

Um dos produtos líderes da marca é a pick-up F-150, que vem ganhando diversas atualizações para competir no acirrado mercado de pick-ups e SUVs.  Está em prática um plano de investimento na área de veículos elétricos, na casa dos trinta bilhões de dólares, até 2023. Caminhonetes já saem de fábrica com geradores nas caçambas, e outras inovações trazem finalmente concorrência à altura da Tesla, que já tem o domínio de mercado com a Cybertruck: pickup elétrica mais esperada e recordista de vendas, apesar de ter um design ainda incompreendido pela maioria dos consumidores. Quesito este, que as F-150 são campeãs; com suas formas quadradas, que se encaixam como uma luva às necessidades do dia a dia do trabalhador. O modelo tem presença garantida no mercado há décadas; e, inclusive, é líder de vendas nas categorias movidas a derivados de petróleo, como gasolina e diesel.

A Ford acaba de apresentar a Lightning, modelo que carrega características campeãs há décadas, recebe banco de baterias e no lugar do motor um grande porta malas, que detém de 4 tomadas e duas portas USB para o deleite dos proprietários. Com características inovadoras, como segurar a carga elétrica de uma casa em até quatro dias em caso de apagão, e por aí vai, a pickup contabilizou 55000, (cinquenta e cinco mil) pedidos nas primeiras 48 horas, e a marca demonstrou total sucesso nos esforços para o feito, tal como a compra de uma empresa de gestão da área somente para a nova categoria de suporte para clientes de frota e negócios, e a criação da linha PRO, que nada mais é do que carros voltados para integrar linhas de trabalho, com a oferta de redução de custos e aproveitamento máximo do investimento do cliente empreendedor da montadora.

Existem várias propostas de montadoras neste seguimento automobilístico. Peço que você busque sites para se aprofundar conhecimento neste produtos. Há uma explosão de novidades no setor, que emerge pós pandemia e me parece estar nos levando ao futuro a centenas de quilômetros por hora.

Tenho admiração pela minha caminhonete movida a gasolina. Mas quero ressaltar sobre os novos lançamentos e o impacto que estão causando no mercado. O relançamento do Ford Bronco, totalmente redesenhado e que já está com fila de dois anos para entrega das encomendas. A Van Ford Transit Elétrica e a pick up de pequeno volume batizada de Maverick, que também deixa qualquer consumidor com o dedo trêmulo e pronto para clicar em “comprar” no site da Ford. A mais tradicional fábrica de automóveis do mundo, que agora se reinventa, e hoje se comporta como uma empresa incubadora do tipo StartUp.

Os concorrente estão se mobilizando, e podemos nos preparar para uma tempestade de maravilhas movidas a elétrons, como a Dodge/Ram que promete lançamento de seus carros musculosos e sua pick up 1500 no formato elétrico, criando uma briga de muita faísca como sempre ocorreu entre as 2 marcas.

A Chevrolet também anunciou que a Cadillac vai ter modelos elétricos para um futuro próximo. Vai se acostumando, nos próximos 5 anos, iremos viver uma revolução no mercado automobilístico. Escapamento barulhento  será coisa do passado. Ficará apenas na memória dos entusiastas de automóveis antigos a cada dia, fica mais distante do nós, e mais perto do fim. 

ºTermino com uma pergunta para a reflexão: a sua garagem tem tomada de energia?

Um abraço a todos! 

A Despedida do Raciocínio Linear

Rafael Vergne Viana

Olá meus amores, caros e damas, queridos leitores. Interessante falar de amores em uma carta pública como esta, mas dedico o substantivo a uma classe que amo de verdade, o departamento dos amigos que por hora questionam a minha ausência momentânea deste periódico. O que sucede é que venho trocando de tarefas, dentro da minha atividade profissional principal, novos desafios, novas manobras, ações e reações, para lidar com este nosso “novo normal”. 

A grata surpresa é que a idade e a experiência começam a fazer as honras, e tais mudanças vêm acontecendo para bem melhor, e estou muito feliz, sou fã de boas notícias, e estarei pronto para compartilhá-las em minhas caixas privadas das redes sociais, assim que solicitadas. 

Então aí está a deixa, pode contactar, querido leitor. Como sou defensor dos meios impressos e participo com entusiasmo nestas manifestações escritas, não poderia deixar de fazer esta coluna se comportar como tudo que hoje há, de qualquer forma vou burlar minha falta e apresentar esta nova série de escritos intelectuais, estes que tenho bastante curiosidade sobre sua absorção por parte de vocês, meus queridos leitores. Mas, também tenho convicção da partilha destes assuntos por aqueles que nunca imaginariam que alguém pensaria de forma parecida. Que legal! Veja só, exemplo um:

Quando você está prestes a mudar de residência, aparecem desafios muito interessantes sobre as coisas que você dá ou não, importância. Se você mora sozinho, a coisa fica um pouco, somente um pouco mais branda. Mas se você mora com alguém, aí sim, tudo começa a ser questionado. Muito legal, vejam só!

O grande desafio é provar militantemente que aquele treco, que às vezes seu companheiro (a) nem sabe o que seria, é algo muito importante pra você, e merece ser baldeado de casa em casa, muitas vezes um objeto sem utilidade, mas por conta de um valor sentimental, aquilo te persegue anos e anos ocupando os mais variados espaço de sua casa. O problema é que o espaço nem sempre é somente teu! lol! 

Mas o que este exemplo tão comum e óbvio tem a ver com o título, que parece tão científico?

Vou resumir a ciência do pensar em nossas necessidades básicas, o pensar está em tudo, você pensa quando planeja, pensa quando está indo e pensa quando está voltando.  Você pensa sempre, às vezes isso lhe traz muito lucro, muita alegria e às vezes muitas outras coisas, enfim, você pensa!

E a forma de pensar tem suas variadas formas, e quando se fala de um pensamento linear, estou falando de quando você fala a seguinte expressão: Peraí! Vamos por partes! Ou senão você fala: fulano (a), vamos fazer sim, porém uma coisa de cada vez!

Engraçado, neh? Estamos sempre dividindo tudo em “filas imaginárias” em nossas mentes, para que cada necessidade seja pensada (processada) em seu devido tempo, e em sua devida prioridade. 

Okay, isso tem vários apelidos, como foco, organização, planejamento, etc. Mas tudo isso tem um nome, chamado Raciocínio Linear

Venho aqui defender a ideia de que um dia, não iremos mais pensar linearmente, e sim de forma multilateral. 

O que ocorre é que nós tendemos a recusar aquilo que não investimos pensando, como as coisas dos outros, dada a situação acima como exemplo, quando alguém que está com você perde o interesse em algo que pra você pode ser muito importante, ela simplesmente “não tinha pensado naquilo”.

Voltando a falar da fila do pensar, eu acredito que nós fomos fortemente influenciados pelos computadores, em nossa forma de agir e pensar.

Os pioneiros da informática, tinham um desafio, que é na realidade o principal desafio até hoje: trazer para o nosso cotidiano, a cultura da organização, baseado em escritórios, como o próprio nome em inglês deu a um conjunto de aplicativos, nós fomos moldado a pensar de forma linear, como os processadores fizeram por muitos anos, colocando uma tarefa de cada vez, em fila, para poderem ser computadas.

Apesar de nosso cérebro ainda ser o “computador” mais rapido (e também o mais subutilizado) do mundo, eu vejo que quando “pensamos” em fazer algo, quando utilizamos nossa cabeça para resolver alguma coisa, sempre tendemos a criar uma lista de prioridades, e ir resolvendo uma a uma.

No falar, onde o pensar muda tudo no jogo da vida, se você pensar linearmente, você pode acabar falando muita besteira, ou ser taxado como uma pessoa antiquada.

Acho que resolver as coisas de forma passo a passo, pode ser uma solução muito genial. Porém, acredito que precisamos ao menos saber, que os computadores que nos influenciaram no passado, com as suas tarefas em fila, por conta de limitações de capacidade, estes aparelhos evoluíram meu querido (a), eles evoluíram!

Assim como os computadores hoje são capazes de executar várias linhas de computação, em nosso caso raciocínio, pode ter certeza de que estamos aprendendo a agir e pensar como eles, já que hoje somos rodeados de equipamentos.

Uma dica de ouro com tudo isso, é que assim como você olha para os dois lados ao atravessar uma rua, te exorto meu caro (a) a “pensar” para os dois lados antes de falar algo, ou produzir algo, seja este algo um vídeo, uma foto, um meme, o que quer que seja. Pense de forma multilateral.

Não há mais espaço para o raciocínio linear neste mundo tão multi.  Não dá pra processar em partes, tudo que é atirado em nossas realidades de uma vez só. Em algum momento vamos responder, em algum momento vamos reagir; e a forma como vamos fazer isso, pode nos ajudar ou nos prejudicar.

Por isso, defendo o raciocínio multilateral, para pessoas públicas, com a supracitada, isso deveria ser obrigação, ao falar em público, deveria ser criado um filtro, onde o limite da razão, fosse supervisionado pela moral, pelo zelo daqueles que são diferentes de nós.

Já vi pessoas sendo “canceladas” por serem bem sem noção, esses foram evitados em certos grupos de amigos, ou estilo de vida.

O grande advento veio por conta de uma pessoa que estava bem mergulhada em seu mundo; e, talvez pela primeira vez, foi solicitada a se expressar, a opinar, a julgar, seu intelecto foi posto, ou melhor exposto à prova, e não houve tempo nem oportunidade de se avaliar no que tanto ato particular iria causar ao público.

Agradeço pelos milhões de espectadores que desviaram suas atenções da cena trágica que o mundo passa, para se reunir de frente à tv, para votar na moça que chocou o nosso Brasil, e ao mesmo tempo expõe uma realidade ignorada de nossas próprias deficiências internas, onde o número do desenvolvimento humano se mostra cada vez mais abstrato, e nossas lutas se mostram cada vez mais carnavalescas do que propositais, onde se protesta pelo avesso, e se grita pelo silêncio de nossas próprias razões, eu afirmo: se pensarmos de forma linear, todos nós seremos um dia Carol com K!

Deixo vocês com esta reflexão, espero que gostem, espero também que sejamos mais multilaterais todos os dias, ao falar, lembremos dos “diferentes” de nós, vamos focar em dar importância aos que não são de nossa total estima, vamos focar em respeitar os que nao são de dentro do nosso ciclo de amizades.

Vamos lembrar que hoje precisamos ser muito mais multilaterais, precisamos ofender menos, cancelar menos, e julgar menos.

Queria que cada voto daquele programa fossem os votos de uma nova administração, ou de algo que nos trouxesse algo relevante, algo para nossa nação. Até a próxima votação!

Maior câmera do mundo registra a primeira foto, veja os benefícios

Sim, há muito benefício na maior câmera do mundo ser desenvolvida, okay, temos algumas coisas mais importantes para focar, sim, eu sei, porém, não podemos deixar de comemorar o fato de que a humanidade está avançando, e te digo, só em saber que não estamos parados em meio a tanta placa de stop, rsrs, eu ja fico extasiado! Mas vamos ao que interessa, veja que fantástica essa camerazona de 3,2 gigapíxeis.

Isso mesmo, 3,2 gigapixeis são equivalentes a 378 telas de tv de 4k em resolução. Ainda está difícil de imaginar, então vamos lá:

“A resolução da imagem é tão alta que permite tirar uma foto de uma paisagem e depois ir dando um zoom até focalizar uma bola de golfe a cerca de 24 quilômetros de distância”, segundo o site de informações científicas.

Gente, é muito grande! Para mim que sou fotógrafo, e tenho mais de 10 anos de experiência com sensores de câmeras, te digo caro leitor, é uma resolução estratosférica!

E o melhor ainda está por vir, o dispositivo é astronômico de verdade, sim, literalmente. O equipamento tem como principal utilidade a captura de imagens intra estelares, fotos do universo, em absurda resolução, para que sejam observadas, coisas que nunca foram possíveis de se ver antes, e muito além do olho humano.

Para finalizar, quero fazer mais umas comparações para ver se agora fica mais fácil, vou trazer minha informação do meu campo de trabalho como fotógrafo, veja bem: na fotografia, as câmeras profissionais que custam acima de 5 mil dólares, são dotadas de sensores com 1,4 de polegada (3,5 cm). Estes sensores permitem fazer fotos imensas, onde podemos até recortá-las e tirar uma “foto da foto” sem perder nitidez. Isso na fotografia nos ajuda muito. Outra característica seria que quanto maior o sensor, mais capacidade de ver coisas na escuridão ele tem, isso mesmo, por ser maior, a zona elétrica de captação de luz será maior, capturando com mais performance no escuro. Trazendo estas informações para nossa câmera de Itu, eu te digo amigo (a), que na construção do plano focal deste instrumento, há 189 sensores deste que vos falei acima, isso mesmo, são quase 200 sensores de câmeras profissionais juntos, para criar imagens panorâmicas de todo o céu astral, criando o maior filme astronômico de todos os tempos, lançando luz sobre alguns dos maiores mistérios do Universo, incluindo a Matéria Escura e a Energia Escura, que até então, conhecemos por números, equações e sinais, mas ainda não conseguimos enxergar!

Ao contrário dos 3,5 centímetros das câmeras profissionais, com 60 centímetros de largura a câmera poderá detectar objetos 100 milhões de vezes mais escuros que aqueles visíveis a olho nu, uma sensibilidade que poderia ver uma vela acesa a milhares de milhas de distância!

Estou muito, mais muito entusiasmado para vivenciar esta nova era da descoberta do universo, não sabemos, ainda, mas muito em breve, vamos descobrir o que acontece quando se aponta uma câmera para uma quarto escuro, e a câmera captura algo! huuuu arrepios meus lindos!. Estou tão empolgado com este assunto, que se você me ver na rua, por favor, vamos tomar um café, porque ainda temos algumas horas para falar sobre isso.

Eu estou mesmo empolgado!

SITE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA. 

Maior câmera digital do mundo tira primeiras fotos. 09/09/2020. Online. Disponível em www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=maior-camera-digital-mundo. Capturado em 11/09/2020.

A fabulosa busca por seus dados, WhatsApp

Rafael Vergne Viana

Neste artigo, no qual estamos recém, iniciando um ano de grandes acontecimentos, a começar pela alegria da presença do mais novo integrante da minha famíla, o John, vou te contar meu caro e fiel leitor, o ano de 2021 promete grandes feitos e grandes mudanças.

Então venho ser breve, porém não menos importante de que os mais renomados artigos de nossa rede, vou avisá-lo sobre o que  o WhatsApp reserva para os seus, cobrando uma decisão um tanto quanto polêmica, a partir de fevereiro de 2021, onde você vai decidir se continua a usar o aplicativo, ou se iremos bandear para novas propostas de comunicação texto multimedia, como a oferecida pelo grupo. Citando a palavra grupo, descrevo que a trupe jurídica está formada por Facebook, Instagram e Zap Zap (seu apelido mais famoso) e pequenos agregados de versões beta, sob a maestria do super observado, Mark Zuckerberg.

Um breve resumo do conflito mundial com a relação de aplicativos autônomos com dados pessoais dos seus usuários, começou há muito tempo e vem sendo discutido em fóruns por muitos anos, porém nada relacionado pode alcançar tamanha relevância quanto o Facebook, por conta do volume absurdo de informações geradas pelos seus 1.66 bilhão de utilizadores, uma quantidade de informação incalculável, onde se criou uma espécie de bolsa de valores digital, com investimentos absurdos de empresas sedentas e unidas em um único propósito: seus dados! Isso mesmo, suas informações.

“É muita conversa para pouco cookie gente, falando nisso, você percebe que há um tempo, você tem que aceitar aquele aviso chato que o site te obriga toda vez que o acessa?”

Diante desta discussão, onde os legislativos mundiais buscam mais satisfações para este astuto Programador apelidado de Zuck, a principal preocupação seria a falta de transparência na manipulação destas informações. Porém, faço uma breve observação, o Facebook apesar de ser digital sempre foi um produto, e em minha comparação açucarada eu digo:

A Coca-Cola continua sustentando a indústria farmacêutica por décadas, popularizando os hospitais e fazendo história com seus ingredientes tão questionados, mas nem por isso, houve algum manifesto para que se revele a sua fórmula. Afinal, a receita mata, mas todo mundo gosta ou ao menos respeita o fato dela ter sido inventada de forma tão genial.

Diante deste raciocínio, pergunto: por que o Facebook deveria abrir seus átrios administrativos se não se passa de uma receita de sucesso, na qual se comprova pelos seus bilhões de usuários?

É muita conversa para pouco cookie gente, falando nisso, você percebe que há um tempo, você tem que aceitar aquele aviso chato que o site te obriga toda vez que o acessa? 

Sim, este foi um fruto da briga do mundo com o Face, onde foi estabelecido o senso de ao menos avisar que tudo que você estiver fazendo naquele instante dentro daquela determinada página online, será utilizado para fins lucrativos, e suas atitudes serão convertidas em anúncios personalizados, da forma que se você pesquisar na internet sobre um produto, este produto ou concorrentes dele, povoaram sua telinha até o dia em que você desista, ou adquira o próprio, e passe a manifestar intenção por outra coisa na web. 

Em miúdos imagine: pensou em aprender um pouco sobre mecânica de moto, e de repente em algumas partes da sua tela aparecem vários anúncios de escolas de manutenção de motos, e até peças de reposição, num preço tão convidativo, que pode até parecer fácil nascer um novo mecânico dentro de nós! lol

No meio desse tiroteio onde as balas seriam suas informações, venho através desta prosa bitônica, te informar que o aplicativo Whatsapp estabeleceu um prazo, para os seus usuários aceitarem  o termo de privacidade, onde os aceitantes irão compartilhar suas informações, estas como número de telefone, agenda de contatos, ip (geolocalização), marca de celular que está hospedando o app e muito mais, e estes dados serão vendidos para empresas que utilizam a plataforma como fonte de ações de comunicação com seu público alvo.

Resumindo, depois do Facebook, Instagram, chegou a hora do Whatsapp abrir a temporada de caça à sua persona, meu (a) caro leitor!

Quer saber mais sobre este papo que vara a madrugada? 

Mande uma mensagem para nós, comente, descubra mais!

Viva o ano novo, o novo “novo” e aos “novos normais”! 

Rafael Vergne Viana

Muito difícil para mim escrever sobre uma data tão comemorativa, tão festiva, em tempos tão difíceis; mas, assim como o resto da humanidade, aqui estou eu, vivendo, e vencendo diante de ti, caro leitor!

Peguei Covid, encontrei um estágio abaixo do “sem grana” que não conhecia e não queria conhecer, risos com lágrimas hehehe, vi muitas coisas bastantes difíceis de aceitar acontecer, como os muitos que nos deixaram neste ano, e não tem como não concordar que foi realmente um período difícil para nós, meros terráqueos.

Mas agora eu preciso tocar pra frente, e acho que você também. Acho que o mundo precisa tocar pra frente, de mascarazinha e álcool em gel na cintura, devemos ir rompendo, eu acho que sim!

Porque o mundo está contando conosco, com nossa inovação, com nossas invenções e nossas novas adaptações ao novo normal, e muito esperam por uma atitude sua, isso mesmo, sua, eu falo.

Seja pela fé, pela perseverança, pelo seu natural e inquieto potencial de se mobilizar, não podemos esquecer que viemos nos movendo nesta ópera há milhares de anos, e entra ano e sai ano, e continuamos vencendo! Sim, vencendo! Amigo leitor, eu te garanto que diante do que nem passei, mas sim, vi pessoas passarem. Se você está lendo este artigo meu querido (a), pode levantar o punho da sua preferência para o alto, e dar seu grito de campeão!  Porque você até agora, vem vencendo uma batalha bastante difícil!

Mas para todo campeão tem os troféus, e quais seriam os nossos prêmios neste tiroteio? Muitos avanços e diversas tecnologias foram catapultadas pela necessidade, e veremos isso no futuro.

Assim como os melhores executivos do Brasil hoje, são os respeitados sobreviventes dos tempos loucos da hiperinflação, seremos muito mais fortes e conscientes depois de toda essa agonia acabar!

Se você ver alguém questionando sobre o tempo de eliminação de tudo isso, responda: O mundo não vai se reeducar da noite pro dia. Porque para vencermos juntos isso tudo, teremos sim, que nos reeducar.

Teremos que levar mais a sério o fator higiene e prevenção, e isso tem que virar rotina, isso tem que virar cultura, nossas mãos vão ter que se acostumar com o geladinho do álcool e vamos ter que inventar ou reinventar formas de nos proteger mesmo; e quando tudo isso virar o simples normal de nosso cotidiano, aí sim, estaremos livres de um vírus como este que nos atingiu em 2020, e a erradicação de doenças serão apenas as consequências, de um mundo mudado. E isso, convenhamos meu caro leitor, demanda tempo!

Muitos investidores têm mais oportunidades de avaliar empreendimentos domésticos, ideias que somente saíram do forno porque os donos delas tiveram que parar em casa para escrever.

Empresas se reinventaram diante de grandes prejuízos e inovam levando seus funcionários para suas casas inaugurando uma era de grandes lucros, pela falta de gasto com o desnecessário.

Pessoas que estavam descartadas do mercado, aparecendo com força nos trend topics do mundo business, se encontrando no meio de necessidades específicas, sim, eles e elas renasceram.

Renasceram e nasceram grandes empreendedores, grandes educadores, fomos forçados a engolir a importância dos professores, ainda que remotamente, ao menos aqueles que não sabiam.

Profissionais foram induzidos a avaliar outras áreas de atuação das suas profissões, e coisas novas nascem a cada dia. Sim, eu ainda não consigo fechar a conta, e nem sei se vou, mas avançamos muito e muito neste ano, eu garanto meus amigos! Avançamos e muito!

Avançamos no refletir das palavras, avançamos no raciocínio daquilo que não tínhamos tempo de pensar, avançamos em relacionamento com nossos filhos e esposas, e maridos, avançamos sim.

Avançamos no retroceder, na freada de nossa incontrolável e desenfreada vida, muitos que olhavam para prédios, acabaram seus finais de semana diante de lagos, ao lado dos filhos, não adianta, eu garanto, avançamos!

O que eu não garanto seria poder mensurar todo este avanço, e nem o tamanho dos prejuízos, mas mudamos nosso mundo de sobrenome, e 2021 nos aguarda, sim, o próximo ano, nos espera com uma grande vontade de avaliar nossas novas atitudes, nosso novo normal, e a natureza vai continuar respondendo cada atitude que entregamos a ela, vamos vivendo, “avançando”, vamos rompendo.

Eu quero parabenizar aqueles que tiveram o ano como um dos melhores de suas vidas, e quero deixar uma mensagem de fé e de paz para aqueles que foram surpreendidos em 2020:

A nossa caminhada no tempo é inevitável, se você deu o próximo passo, pode ter certeza, você está melhor do que antes, então parabéns! Você é um campeão!

Viva o ano novo, o novo “novo” e aos “novos normais”!

Dia 11.11. Compras Online na China

Olá, querido leitor, como vai? Você está preparado para a nova Black Friday? 

Alguns pessimistas falam sobre dias ruins para o dia de compras online. Acredito que nem tanto; comprar em muitos casos pode ser uma medida terapêutica, inclusive para combater o tédio durante a quarentena. Conheço alguns famosos que confessaram combater a depressão com o ato de comprar, como o cantor Thalles Roberto, por exemplo, que já confessou sua medida de combate viciante em vídeos nas redes sociais.

Outra coisa também viciante são os famosos “umboxing”, que intitulam os vídeos virais nas redes sociais, onde um internauta exibe em vídeo, a experiência de desembalar e funcionar algo que comprou online, na esperança de passar este sentimento da experiência para seus colegas menos abastados; que, muitas vezes, tentam se contentar em assistir o vídeo, por não poder trazer o fato para sua realidade: comprar. 

Uso o “unboxing” dos amigos alheios online para saber se vou realizar uma boa compra ou não. Assisto alguns vídeos sobre o produto antes de investir meu ultra perseguido e capturado dinheiro, hehehe, os tempos estão difíceis meus amigos!

Introduzi nosso assunto falando da experiência americana da compra online, mas você sabia que desde 2009, a China, isso mesmo, nossos amiguinhos dos olhos puxados, promovem um dia de compras online só que com uma pequena diferencinha?

Sabe que diferença seria esta, meu caro leitor? A data movimenta cinco, isso mesmo, cinco vezes mais grana do que o movimento americano, meus senhores, acredite! Lhes apresento então, a 11.11, (11 de novembro), o dia do maior evento de compra online do mundo!

Os chineses nunca ficaram para trás, sempre se reerguendo das etiquetas made in china, nossos fantásticos amarelinhos criaram este dia por lá, 11 de novembro, o dia que eles tratam como a Black Friday deles, e assim, movimentam U$40 bilhões de dólares americanos,

Quarenta bilhões de dólares americanos meus amigos e amigas. Cinco vezes mais o que movimenta a nossa Black Friday, e se juntar a BF (Black Friday) com a Cyber Monday, que são os segundos maiores eventos de compra online do mundo, não daria um terço do maior, mais pitoresco evento chamado 11.11.

Cara, eu nem sabia que um mercado poderia processar tanta operação dentro de 24 horas, e digo outra, está sentado? Tudo isso é operado basicamente por um único grupo, o gigante Alibaba, maior comércio online da China.

Apesar de em 2020 o PIB apresentar um recuo trimestral maior que 6%, primeira vez em 40 anos, uma dupla dos principais influenciadores chineses Li Jiaqi e Viya, vendeu, em um único dia 1 bilhão de Renmimbi, que em dólar na cotação da semana daria: cento e cinquenta milhões e setecentos e oitenta e quatro mil e setenta dólares. Tudo isso em um único dia com a principal dupla de influenciadores chineses.

Veja em tópicos as principais características, do mercado que detém 51% de todas as operações online mundiais atualmente:

Cinco vezes maior que a Black Friday;

Três vezes maior que a Black e a Cyber Americana;

Um mercado que domina mais da metade das compras online mundiais;

Contratação de celebridades para a promoção da data, como: Taylor Swift, Katy Perry, Gretchen e    Gracyanne Barbosa.

Estes números impressionam, revelam o massivo potencial do mercado Chinês. Ainda digo que, eles estão pretendendo transformar tudo isso em um show, um evento e estão de olho em celebridades para a promoção e querem, sem dúvidas, focar (pois é, nem focaram ainda) no mercado mundial, de compras online. 

Acredito que nos próximos anos, ao menos, 25% de certo a máquina de vendas dominar ainda mais este mercado, fazendo, nós americanos, cara pálida, uns bebês diante do “Tio Swan”, hehehe amei o nome!

IPhone 12 chega ao mercado com inovações relevantes?

Oi meus techspectadores de plantão, yes, lançamento do Iphone 12 chega com tudo, será que teremos inovações a la maca desta vez?

Vi alguns colegas falando: será que Steve Jobs iria gostar de tanta variação de modelos de telefone no mesmo lançamento?

Nossa queridos, eu queria muito ver o que o careca iria inventar neste ano tão cheio de novidades como nosso histórico twenty-twenty! (20-20)

Mas vamos ao que interessa, vamos aos rumores, e queria muito que você comentasse em nossas redes sociais no que vou acertar e no que vou errar! hahahah.

Não será tudo que vi e ouvi sobre o novo aparelho que vou falar aqui, somente o que eu acho que está bastante seguro de acontecer. Então, vamos a lista.

Bordas planas inspiradas no Iphone 4, isso mesmo, lembra daquela lateral de alumínio com os botões redondinhos, claro que os botões não, mas a borda tem grandes chances de vir assim.

Olha, te digo, eu achava um charme aquela borda, tem até fotos profissionais em um ensaio do meu falecido Ip4, e a borda sempre me agradou, dava um ar de seriedade e qualidade.

E foi justamente esta falta que senti, com esta nova geração de bordas suavizadas, apesar da robustez do vidro por conta da recarga sem fio, vou falar, se vir plano, será um charme!

Ainda mais com as nossas queridas 3 câmaras, que vou agora iniciar o novo rumor, resolução, e sensores, onde acredito que poderíamos contar com 64 MP (mega pixels) nas versões premium do aparelho

Dizem as curiosas línguas que esta resolução vem para combater o estonteante aparelho da saudosa Sony, com uma câmara de sensor gigante também, aproveitando o know how da marca no setor de câmaras digitais.

Mas não vou parar de falar de sensores ainda, a grande novidade será o posicionamento do sensor LiDAR que se poderão equipar os telefones, e trarão grande frustração por parte dos amantes da marca se ausentes no lançamento, todos estão falando do tal dispositivo, que vem sendo um divisor de águas na área da realidade avançada, emergindo o usuário em uma experiência muito mais marcante! Vi protótipos que sugerem até um quarto círculo dentro do setor das três já existentes câmaras, formando assim, o mais famoso meme do Iphone de todos os tempos, onde se comparam as câmaras com bocas de fogão! Muito legal fala sério! lol!

Se o famoso fabricante implantar este tipo de sensor nos novos aparelhos, a indústria de AR (Realidade Aumentada) galopará ao sucesso num avanço nunca visto, pois as capacidades de computação dos nossos aparelhos parecem que vão sofrer atualizações, tornando o processamento muito mais potente. Mas antes de falar do processamento, preciso frisar o rumor sobre as versões,  vamos lá.

Há fortes indícios que os telefones serão apresentados em 4 versões, todos falam 3, mas virá também uma, não considerada versão ou chamada de Mini, que supõe uma atualização do modelo SE, distribuído em mercados de países com complicações nas importações, altas taxas de impostos e altíssimos preços nas lojas locais, com uma promessa utópica da oferta 5G ainda neste milênio, conhece este país? (Emoji com a mão na testa pra você também!) Isso mesmo, uma versão sem a tela OLED, e sem a capacidade 5G, possibilitando a oferta do fabricante de um produto mais barato, competitivo, que abrace um mercado de linhas de entrada onde ainda não se tem uma data prevista para o 4G se tornar obsoleto.

E já que falamos de tela OLED, as outras versões contarão com a tecnologia OLED para as telas e a famosa taxa de atualização de 120Hz, que faz com que os movimentos das imagens e animações sejam mais fluidos, ótimo para Gamers e péssimo para a bateria, porém, apesar de consumir mais de um lado, a estrutura OLED tem mais economia, tornando elas por elas neste quesito, mas temos novidades na bateria, que eu também acredito que os caras possam oferecer algo que carregue totalmente em 45 minutos, por ser de 20W, outro rumor, que também acho justo acontecer.

Será que desta vez, teremos a tão sonhada e prometida autonomia de um dia inteiro de carga em nossos novos foguetinhos, gente? Vamos vendo né!

Coisas super esperadas também estão no sensor de digital integrado na tela, sonho antigo (tipo 2 anos) de muitos, e agora mais que sugestivo por conta da dificuldade das máscaras, e um reconhecimento facial 3 vezes mais rápido, que pra mim não seria mais que a obrigação, do sensor 30% mais rápido e uma atualização de software mais econômica de energia, e muito mais segura.

Por fim, aquela pequena aba preta, pendente na tela frontal, que abriga os sensores variados de nossos desejáveis, promete ficar menor, chamada de Notch, a área recebeu atualizações para melhor aproveitamento da tela que esperamos tanto, tantas revoluções e muitas experiências por vir.

Um detalhe interessante é que não falaram nada sobre o Touch 3D e nem das bordas da nova e tão esperada parte. 

Vamos vendo né, assim espero, ficar de queixo caído! Amei não atualizar pro 11. lol! Parece que meus anjos da guarda geeks, me deixaram esperar mais um pouquinho! hahahaha

As últimas questões também vêm dentro da caixa, onde estão falando muito que não virá com carregador e nem fones de ouvido, com a desculpa de baratear o dispositivo, que promete preços parecidos, mas com tanta novidade, deveria ser mais caro, saindo ainda mais do “normal” em preço de celular, onde a marca sempre teve vantagem em poder cobrar mais caro, fazer história tem suas vantagens meu caro leitor! O cabo também, depois de tanto tempo, nos parece que virão trancados, em tipo tecido, cá entre nós, até na banquinha próxima você encontra cabos melhores e não licenciados do que estamos recebendo quando compramos um aparelho novo. Este dois últimos, se a turma da maca não pensou, acredito que vão executar, de tanto que se falam nestas mudanças!

Olha, vou ficando por aqui, vejo vocês na fila do lançamento okay? Por favor, façam memes, e piadas sobre o que acertei aqui e o que errei, esta resenha pode varar a noite e pode ser muito divertida!

Espero que esta nova versão traga o saudoso tempo dos lançamento dignos de aplausos da empresa, que se mostra cada vez mais desafiadora e carente da presença de o seu gênio fundador!

Lembranças e saudades nos Pomares da Inovação Celestial! 

Os três T’s da trama Trump Tik Tok
Rafael Vergne Viana

Tão complicado como falar o título desta matéria é entender, às vezes, o que rola no mundo político, ainda mais em outro país, termos técnicos nas palavras de nosso presidente dos EUA viram simplesmente: “Top, Lixo, Gostei e Proíbe. lol!”

Vou te falar, com milhares de coisas para resolver, esta posição é mais normal do que imaginamos no cotidiano dos grandes cargos. Ainda mais se tratando da máquina chamada Estados Unidos da América, para qual todos estão de olhos voltados, para onde o mundo se converge, fique você meu caro leitor(a), pensando que é fácil ser o centro das atenções?

Eu, a cada dia abuso da dádiva de não ser ninguém, porque basta chamar um pouquinho de atenção, e então lá vamos nós nos proteger de coisas que nem sabíamos que existiam. Muitos artistas abandonaram fortunas comprando, com esta renúncia, a paz do anonimato e a leveza de ser uma pessoa normal, Steven Seagal (hoje xerife) que o diga. Bastante complexo, não? Bastante complexo, meu amigo (a)!

Entretanto, a birra “laranja” de nosso presidente Trump não está totalmente fundamentada neste momento tenso entre os governos americanos e chineses. E, as acusações, não são somente políticas; há argumentos fortes tecnológicos e detalhes que precisamos discutir sobre o aplicativo mais falado do momento.

Resumindo publicações e artigos, por mais que os executivos da plataforma afirmem a não colaboração da empresa fornecendo dados para a inteligência Chinesa, que exige isso por Lei local, temos que concordar que nossos amigos orientais crescem a ritmo absurdo em tudo. A principal característica deste “foguete” de desenvolvimento é colocar certos valores de lado em prol do avanço, assim podemos ver nas condições de trabalho e nas condições que algumas coisas são comercializadas que já chegam quebradas em nossas casas. Sic.

Papais e mamães, somos alertados neste momento sobre o que está sendo entregue aos nossos filhos pelo aplicativo

Falando nisso, toda esta intriga começou com a suspeita desta crise pandêmica ter sido uma manobra da China para um atalho ao topo do mundo, que para os sensatos soa exagero, mas para quem conhece as práticas daquele povo, não seria nada de surpreendente. Mas com tanta novidade, este assunto foi colocado de lado, ufa!

Como falei acima, as tensões já estavam instaladas por conta da baixa avaliação em relação ao controle sanitário e comprometimento com o resto do mundo do Regime Comunista. A possibilidade do uso dos dados dos usuários da rede para questões de espionagem representaram uma preocupação governamental americana, onde a postura muito fraca das políticas de privacidade e a falta de preocupação da plataforma com seus usuários, somente compuseram a ópera da discórdia que estamos ouvindo todos os dias.

Segundo rumores, a empresa não se preocupa com seus usuários, há comportamentos duvidosos sobre a plataforma, onde existe censura para banir vídeos de pessoas feias, e casas pobres em plano de fundo dos seus vídeos, e retirada de vídeos de cunho político do ar. Mas, por outro lado, deixam passar exibições de desafios que colocam a vida das pessoas em risco, como o desafio de contrair a doença COVID-19 iniciado por um jovem que fazia vídeos lambendo, isso mesmo, lambendo privadas públicas até adoecer, sendo seguidos por milhares de jovens.

A privacidade de menores também foi questionada e a falta de controle sobre usuários, abaixo de 13 anos de idade, também formam um conjunto de acusações, que montam uma característica muito arriscada, onde a maior preocupação mesmo da companhia é a de crescer, chegar no topo, custe o que custar, doa a quem doer.

Nós, papais e mamães, somos alertados neste momento sobre o que está sendo entregue aos nossos filhos pelo aplicativo. Olhando por este lado, o risco se torna claro.

A forma e o estereótipo que se desenvolveu dos chineses é o avanço desenfreado de tudo, onde não se preocupam como o bolo irá crescer. A estratégia é jogar fermento! Engraçado que eles têm um controle absurdo para seu povo, como o Great Firewall que bloqueia parte da internet para os chineses. Já, do lado de fora  da redoma vermelha, a coisa corre solta. E isso acabou criando um incômodo para alguns países, que já começaram a retirar aplicativos chineses das lojas virtuais, começando com a Índia, Austrália e, agora, Estados Unidos.

Para encerrar este papo, porque lá a conversa ainda vai render muito pano pra manga, vou deixar algumas dicas para vocês cuidadores, papais ou mamães, darem uma checada no conteúdo dos seus pequenos internautas.

Como pai, você deve avisar ao investigado(a) mostrando a importância desta averiguação. Fale sobre o valioso futuro dele (a) e confisque seu celular por alguns minutos.

“Diga-me quem tu segues, que direi quem tu és”.

Avaliar o perfil das pessoas que o  investigado(a) segue pode dar um relatório de influências muito preciso, se o usuário(a) segue cinco contas que falam de armas dentre dez seguidos; significa que estamos lidando com um futuro atirador de elite. Ótimo, basta controlar, treinar e você terá um campeão (ã) em casa. Porém se você perceber que isso está trazendo um comportamento incômodo, basta iniciar um bate papo e sugerir uma solução para controlar a situação.

Seguir contas seguras de conteúdo, com perfis semelhantes ao que seu filho (a) está acostumado não serve apenas para iniciar um diálogo com a criança. O adulto deve apresentar novos assuntos que possam despertar novos interesses na criança, tais como: Ciências, Esporte, Música, etc.  Quem sabe dai não nasce um esportista para dar continuidade ao legado da família? lol!

Outra dica legal é ficar ligado no horário que  os conteúdos são acessados na internet. Aqueles que navegam de madrugada ou preferem locais mais escondidos,  podem estar buscando sites perigosos e   desconhecidos. Por isso, sugiro que você entre nesta jornada ao “descobrimento” junto ao seu (sua) jovem desbravador(a). Uma prática de criar um cantinho de recarga de eletrônicos na sala de casa ou em um local mais afastado do quarto pode vir a ser uma cultura que trará segurança e poderá permitir outras atividades no horário de dormir, como a leitura de um livro ou qualquer outra novidade.

É claro que na prática não é tão fácil como ler este artigo. Somente a prática desses exercícios poderão trazer mais segurança e mais qualidade para o futuro de nossas crianças.

Até o momento, especialistas informam que o aplicativo da rede chinesa com CEO americano (Ex Disney+), não coleta nada mais que a quantidade absurda de dados que as empresas americanas como Facebook, Instagram e Microsoft coletam juntos. Estes nomes estão entre os principais interessados na compra da operação do App na América, ainda está em análise sobre a manobra quase forçado pelo Governo, mas parece que o número está na casa dos 50 bilhões de dólares! Daqui a pouco, essa dinheirama toda muda somente de conta, e tanto os olhinhos puxados quanto os engravatados a laranja vão ficar felizes e em paz até a próxima novidade Chinesa!

Use o link na minha bio para enviar perguntas, se comunicar e sugerir o nosso próximo papo tech, no jornal de maior credibilidade da Flórida!  Beijos queijos e Vimes!

A Arca de Noé das bactérias
Rafael Vergne Viana

A tecnologia servindo cada vez mais fundo em nossas vidas

Semelhante ao Norueguês: Depósito Global de Sementes de Svalbard, que virou notícia em 2008, cientistas portugueses estão se mobilizando para criar desta vez um banco de amostras humanas.

Eu venho acompanhando as atividades relacionadas a criogenia há mais de uma década, e existem algumas dúvidas e avanços a serem vencidos, porém, já se sabe que há mais de 300 pessoas usufruindo do serviço, estão congeladas à espera de tempos melhores. Sinistro não? Enfim. Com sementes e microbioticos a coisa fica mais fácil e menos assustadora. Assim devem pensar os fãs de Michael Jackson que constantemente é citado numa teoria de que o Astro está congelado, e não em outro plano.

Em nossa prosa de hoje, tento trazer boas notícias diante destes acontecimentos, e a nossa evidente falta de controle biológico no planeta. Venho aqui dizer que nem tudo está tão péssimo quanto parece.

A professora Maria Glória Bello, do Instituto Gulbenkian de Ciência está reunindo colegas de diversos países para executar este projeto na Suíça ou Noruega, onde o Microbioma Humano será armazenado em baixa temperatura para proteger estas informações sobre estes organismos e poder servir de base para cura de doenças e vacinas no futuro.

O Microbioma são trilhões de organismos microscópicos, que vivem em nosso corpo e contribuem para a saúde em várias formas. E nossos queridinhos trilhões de bactérias estão sendo constantemente ameaçadas, numa perda massiva, -nas palavras da Professora-, por impactos ambientais, alimentação e uso de antibióticos. A ideia do recém-lançado projeto, chamado Microbiota Vault, é a de preservar esses microorganismos benéficos, para que possam ser cuidados, produzidos e, em casos oportunos, inseridos no corpo humano para proteger a saúde das gerações futuras.

Para mim, a importância deste movimento se perceberia, em momentos como este, onde teríamos um banco de amostra, capaz de conter informações como os avanços na luta contra pandemias, avanços que nossos compatriotas brasileiros estão tendo em Sao Paulo, no combate ao HIV, doenças que fomos acometidos no passado, e doenças que poderíamos ter, pela extinção de certos organismos defensores.

Algumas questões políticas, pra variar, estão criando dúvidas sobre estas atividades, como a utilização adequada das amostras e a decisão do momento certo a serem utilizadas ou desenvolvidas. Outro questionamento herdado de 2008 com as sementes, seria sobre a disponibilidade de avanço tecnológico necessário para viabilizar as manobras no futuro.

O que você acha disso tudo? Entre em nosso site, e comente!

Este texto contém citações de: SITE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA.
Cientistas querem construir Arca de Noé de bactérias benéficas. (19/06/2020). Online.
Disponível em www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=arca-noe-bacterias-beneficas.
Capturado em 07/09/2020.
Livestream
Rafael Vergne Viana

Equipamentos esgotados nas lojas e nos sites especializados, mostram que o mundo acordou para o Livestream.

Nunca vimos tantas  pessoas ao vivo, basta abrir a rede social, estão todos ali, de braços abertos numa transmissão aconchegante bem naquele exato momento.

Tem Live de Sertanejo, tem de culinária, tem live de cachorrinho, tem discussão política e até aquele seu vizinho chato está transmitindo. Hahahaha risos? Fato! Mas o que eu quero te instigar a fazer com este papo? Quero ver a tua Live. Produza!

Uma das maiores características desta tecnologia, seria a ausência da dependência da edição, que exige alguns conceitos a mais, mas o stream tende a ser o que há de mais sincero do vídeo produzido.

Quando se faz ao vivo, basta encerrar a produção e lá está, gravado na galeria para você fazer o que quiser.

Tá ao vivo? Ta na rede, ja foi! Agora é partir pro abraço! Esperar o público viralizar seu post, ou simplesmente ignorar a chance de ficar famoso e continuar produzindo seu conteúdo, em paz, sem fazer guerra com ninguém.

Sabe outra coisa que está muito, mas muito mesmo difícil de fazer? Conseguir receber ajuda do pessoal do suporte, dos eletrônicos.

Carambolas! Basta que o seu vídeo game quebre e você já entra no clube dos desconectados, mudando de atendente virtual como se muda namorada no carnaval.

Mas vamos ao que interessa, já buscou na web aquelas mídias que você vai utilizar na sua live? Milhares de modelos, fotos, vídeos, então, vamos lá! Comente um vídeo, dê dicas sobre uma banda internacional, gere conteúdo, de preferência, algo que você saiba muito bem. Falar em frente a uma câmera hoje em dia pode ajudar muita gente. Não perca a oportunidade de fazer a diferença na vida de alguém. Coloque sua câmera de frente pra você, coloque tudo perto da janela e fique de frente para a fonte de luz, busque horários em que a luz fica difusa, como o entardecer e um pouco depois do amanhecer. Veja vídeos de exemplos na internet e seja um videomaker feliz. Equipamento não é tudo, mas sempre ajuda muito. Procure sempre por coisas originais e durabilidade reconhecida por outros usuários na internet, como lentes, bateria e cabos, acessórios que podem te deixar na mão.

Este tempo em casa, pode ser uma oportunidade para você se descobrir na área de áudio, vídeo e luz.

Então, por hoje e só pessoal! Fiquem em casa, produzam e permitam-se começar!