Fed reforça “paciência” e mantém patamar dos juros nos EUA

O Federal Reserve (Fed), banco central dos Estados Unidos, anunciou que manteve o atual patamar dos juros de referência no país – entre 2,25% e 2,5% – e reforçou o tom de “paciência” em relação à continuidade do ajuste monetário que vem realizando. O comunicado do Comitê Federal de Mercado Aberto da entidade (Fomc), que dirige a política monetária dos EUA, ressaltou que a atividade econômica no país continua a mostrar “solidez”. A decisão foi tomada de forma unânime pelos dez integrantes.
Fed informou em comunicado que será “paciente” antes de continuar com a gradual alta do preço do dinheiro, e justificou a medida pela inflação “contida” e os “recentes eventos econômicos e financeiros”.
“Os gastos dos consumidores continuaram crescendo fortemente, e o investimento empresarial fixo moderou o ritmo depois da intensidade do início do ano passado”, acrescenta a nota.
Os indicadores mostram o bom estado da economia, com uma taxa de desemprego de 3,9% ao término de 2018, em nível de pleno emprego. Já a inflação está controlada em torno da meta anual estabelecida pelo próprio banco central, de 2% anual.
Após os quatro ajustes monetários realizados em 2018 pelo Fed, grandes analistas preveem mais duas altas para este ano, uma a menos que o anunciado no final do ano passado. 

About Jornal Brasileiras & Brasileiros