Os americanos incentivam o crescimento e a responsabilidade mais cedo

Tatiana Souza

Hoje em dia, não tenho a menor dúvida de que meus pais tomaram a decisão certa de sair do Brasil. Os primeiros anos, durante a transição foram mais difíceis, acredito que pela minha idade na época. Tinha apenas 16 anos e estava completando o segundo ano do colegial no Brasil. De repente, tive que me desligar do meu ciclo de amizades, família e de tudo que estava acontecendo e encarar uma nova vida em outro país.

Imagino que eu tenha tido mais dificuldades de adaptação nos EUA do que meus pais, devido à minha idade na época que essa mudança aconteceu, e, por não ter feito a escolha…rs. Meus pais estavam decididos e felizes com a decisão tomada.

Ao longo dos anos, grande parte da minha família migrou para Orlando; o que fez com que a saudade fosse por um período curto. Atualmente, somente o meu pai reside no Brasil, e antes do confinamento do COVID-19, ele nos visitava a cada 3 meses, o que é bastante confortador para todos nós.

São muitas as diferenças culturais entre os dois países. Acredito que hoje não sinto tanto o choque cultural porque já estou aqui há 21 anos. No começo, a alimentação me surpreendeu, visto que aqui se come muita comida congelada, fritura e fast food. A individualidade do americano faz parecer que são frios; mas com a convivência, na realidade é o oposto. A forma como eles encaram a vida com seriedade, são pontuais e profissionais. Nós brasileiros, somos mais sentimentais em relação à super proteção, enquanto os americanos incentivam o crescimento e a responsabilidade mais cedo. Por exemplo, comecei a trabalhar com 16 anos e se tivesse morando no Brasil, com certeza isso não aconteceria.

Hoje em dia não penso mais em voltar para o Brasil..na verdade me sinto tanto americana como brasileira. Já vivi mais tempo da minha vida aqui do que no Brasil. Me formei aqui, estou me realizando profissionalmente e constitui uma família.

Tatiana com os avós e a mãe, Rosana Almeida, que abraça o neto Lucas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Tatiana Almeida Souza nasceu na cidade de São Paulo, SP, em 1983.
Chegou nos Estados Unidos com os pais, com 16 anos de idade.
Estudou nos EUA, na Cypress Creek High School e University of Central Florida
É Vice President of Sales na Meritage Homes Orlando, sétima maior construtora nos EAU.
Desde 2013 é casada com o brasileiro, Luciano Medeiros, com quem tem um filho, Lucas de 3 anos.