Não se deixem abater, lutem contra o negativismo…

Celestino De Cicco

Quantas vezes acordamos no meio da noite assustados com o pesadelo que tivemos? Hoje me parece que todo dia vou acordar deste pesadelo. Mas descobrimos que este é um pesadelo real, estamos vivenciando ele todos os dias. E aí, fico pensando que estou dentro da minha casa há mais de 30 dias, sem sair, sem poder abraçar meus filhos e netos, sem ter convivência com meus amigos e, não poder ir ao meu local de trabalho. Enfim, um terrível pesadelo sem fim. Podemos tirar alguma coisa boa deste pesadelo? Talvez!

A nossa corrida desenfreada pela fortuna, beleza, poder foi simplesmente bloqueada por um vírus não visível a olho nú. Adianta agora procurar um único culpado? Ou este esquecimento que somos seres humanos, nos fazem todos nós culpados? Neste momento de incertezas, pelas quais passamos todos nós, existe uma pressão muito grande em todos os níveis, acarretando um estresse descomunal, decorrente dos problemas e da quarentena do isolamento social, onde, a maioria das pessoas olha o futuro como nebuloso, recebem notícias sempre negativas, criando um fenômeno em que não se consegue raciocinar com clareza. Que caminho tomar? Podemos ler nos jornais as catastróficas informações sobre nós, seres humanos, ao alcance de recordes de ociosidade, demissões em massa, queda da produção industrial no geral, possível desabastecimento, e se isto ocorrer, teremos aumento da inflação, aumento da corrupção em diversos níveis e aumento da violência.

“Para sobreviver, uma atitude deve ser tomada imediatamente, pois amanhã já poderá ser tarde. Não se deixem abater, lutem contra o negativismo…”

Hoje, não agimos como uma sociedade por estar dentro de um mundo de terror, estamos lutando apenas pra sobreviver. Esta idéia é brutal, ainda mais reforçada pelos “Fake news”, que continuam nos alimentando de informações negativas. Ninguém é só uma ilha, o ser humano para nascer, crescer e se desenvolver precisa de outros seres humanos, somos dependentes uns dos outros para existência e sobrevivência. Nós nascemos humanos, e somos o que somos através da convivência com outras pessoas.

Sempre tive esta ideia de família como uma baliza de vida, de amor ao próximo. Sempre preservei a união familiar, a busca de fazer as coisas certas, de tentar dentro daquilo que é possível ajudar a minha família, amigos e funcionários.

Só que para sobreviver, uma atitude deve ser tomada imediatamente, pois amanhã já poderá ser tarde. Não se deixem abater, lutem contra o negativismo, olhem o futuro e entendam que nada é para sempre, estejam preparados para as novas oportunidades que aparecerão neste mundo novo que está por vir.

 

Família De Cicco

 

Celestino De Cicco está no Mercado imobiliário desde 2004 e é Licenciado Real Estate Broker desde 2009. Proprietário da C.F. Realty LLC (Central Florida Realty) e C.F. Vacations.
No Brasil, Celestino De Cicco é Advogado e Economista. Reside na Cidade de Orlando, FL, desde 2000.
Casado com Lucia De Cicco, pai de 2 filhos: Daniela De Cicco e Celestino De Cicco Jr. e avô de 4 netos: Alexandre, Fernando, Rafael e Gabriela.