Petrobras anuncia venda da refinaria de Pasadena à americana Chevron

Petrobras anunciou que sua subsidiária nos Estados Unidos assinou o contrato de venda da refinaria de Pasadena para a americana Chevron por US$ 562 milhões, após meses de negociações que tiveram início em maio do ano passado. Em comunicado, a Petrobras disse que a operação ainda depende da aprovação dos órgãos reguladores no Brasil e nos Estados Unidos e que o valor final da operação está sujeito a “ajustes de capital de giro até a data de fechamento da transação”.

Do total da venda, a companhia receberá US$ 350 milhões referentes ao valor das ações da refinaria de Pasadena e US$ 212 milhões de capital de giro da empresa. Segundo a Petrobras, “estão sendo vendidas as sociedades Pasadena Refining System Inc. (PRSI), responsável pelo processamento de petróleo e produção de derivados, e PRSI Trading LLC (PRST), que atua como braço comercial exclusivo da PRSI”. A subsidiária da Petrobras nos Estados Unidos, Petrobras America Inc, detém “integralmente” as duas sociedades.

De acordo com a petrolífera, a refinaria de Pasadena trata-se de uma “refinaria independente do Sistema Petrobras” que pode “operar com correntes de petróleos médios e leves e produz derivados que são comercializados tipicamente no mercado doméstico americano”. Além disso, a Petrobras informou que a conclusão da transação estará submetida ao “cumprimento de condições precedentes usuais, tais como a obtenção das aprovações pelos órgãos antitruste dos Estados Unidos e do Brasil”. A operação faz parte do Programa de Parcerias e Desinvestimentos da companhia e está alinhada com seu Plano de Negócios e Gestão 2019-2023, com o qual a Petrobras prevê “otimizar” seu portfólio.

About Jornal Brasileiras & Brasileiros