“Roma” faz história e lidera indicações ao Oscar ao lado de “A Favorita”

Antonio Martín Guirado

Roma“, de Alfonso Cuarón, fez história ao se tornar o primeiro longa-metragem em língua espanhola a disputar o Oscar de melhor filme, somando um total de dez indicações à premiação, o mesmo número que “A Favorita”, de Yorgos Lanthimos, os principais destaques da cerimônia que será realizada no dia 24 de fevereiro. A estatueta de melhor filme será disputada por “Infiltrado na Klan”, “Pantera Negra” – o primeiro filme de super-herói a entrar nessa lista -, “Bohemian Rhapsody”, “A Favorita”, “Green Book: O Guia”, “Vice”, “Roma” e “Nasce Uma Estrela”.
As indicações de “Roma” são para as categorias de melhor filme, melhor diretor (Alfonso Cuarón), melhor atriz (Yalitza Aparicio), melhor atriz coadjuvante (Marina De Tavira), melhor filme estrangeiro, melhor fotografia, melhor roteiro original, melhor direção de arte, melhor edição de som e melhor mixagem de som.
Roma” é o décimo filme de língua não inglesa a obter a indicação na principal categoria da premiação. Os anteriores foram “A Grande Ilusão” (1937), “Z” (1969), “Os Emigrantes” (1971), “Gritos e Sussurros” (1972), “O Carteiro e o Poeta” (1994), “A Vida é Bela” (1997); “O Tigre e o Dragão” (2000), “Cartas de Iwo Jima” (2006) e “Amor” (2012).
Cuarón, na sua segunda indicação como melhor diretor (já ganhou com “Gravidade”), enfrentará Spike Lee (“Infiltrado na Klan”), Pawel Pawlikowski (“Guerra Fria”), Yorgos Lanthimos (“A Favorita”) e Adam McKay (“Vice”).
A disputa pela estatueta de melhor filme estrangeiro se dará entre “Roma“, “Cafarnaum” (Líbano), “Guerra Fria” (Polônia), “Never Look Away” (Alemanha) e “Assunto de família” (Japão).
Outro triunfo de “Roma” é ser a primeira obra da Netflix a ser indicada como melhor filme. Outro título da companhia, “A Balada de Buster Scruggs”, dos irmãos Joel e Ethan Coen, conseguiu três indicações.
A estreante mexicana Yalitza Aparicio concorrerá ao Oscar de melhor atriz com Glenn Close (“A Esposa”), Olivia Colman (“A Favorita”), Melissa McCarthy (“Poderia Me Perdoar?”) e Lady Gaga (“Nasce Uma Estrela”).
Gaga também foi indicada à melhor canção original por “Shallow”, categoria na qual disputará o prêmio com Kendrick Lamar, responsável por “All the Stars”, tema principal de “Pantera Negra”. Também concorrem “I’ll Fight” (“RBG”), “The Place Where Lost Things Go” (“O retorno de Mary Poppins”) e “When A Cowboy Trades His Spurs for Wings” (“A balada de Buster Scruggs”).
O prêmio de melhor atriz coadjuvante terá como concorrentes MarinaDde Tavira (“Roma“), Amy Adams (“Vice”), Regina King (“Se a rua Beale falasse”), e Emma Stone e Rachel Weisz, ambas por “A Favorita”.
Falando nisso, “A Favorita” está na briga pelos prêmios de melhor filme, melhor diretor (Lanthimos), melhor atriz (Olivia Colman), melhor atriz coadjuvante (Emma Stone e Rachel Weisz), melhor fotografia, melhor figurino, melhor edição, melhor direção de arte e melhor roteiro original.
Outros destaques do evento são “Nasce Uma Estrela” e “Vice”, com oito candidaturas cada, enquanto “Pantera Negra” conseguiu sete, a maioria em categorias técnicas.
“Infiltrado na Klan”, de Spike Lee, levou seis indicações, e tanto “Bohemian Rhapsody” como “Green Book” competirão em cinco categorias cada. Além disso, “O Primeiro Homem” e “O Retorno de Mary Poppins” concorrerão em quatro.
A disputa pelo prêmio de melhor ator contará com Viggo Mortensen (“Green Book”), Christian Bale (“Vice”), Rami Malek (“Bohemian Rhapsody”), Bradley Cooper (“Nasce Uma Estrela”) e Willem Dafoe (“No Portal da Eternidade”).
A categoria de melhor ator coadjuvante terá Mahershala Ali (“Green Book”), Adam Driver (“Infiltrado na Klan”), Sam Elliott (“Nasce Uma Estrela”), Richard E. Grant (“Poderia Me Perdoar?”) e Sam Rockwell (“Vice”).
Outra disputa com grandes concorrentes será pela estatueta de melhor animação, cujo prêmio ficará com “Os Incríveis 2”, “Ilha dos Cachorros”, “Mirai”, “WiFi Ralph – Quebrando a Internet” ou “Homem-Aranha no Aranhaverso”.

About Jornal Brasileiras & Brasileiros