Usain Bolt visita CT do Palmeiras

O ex-velocista jamaicano Usain Bolt, recordista mundial e oito vezes campeão olímpico, visitou no dia 5 de abril o centro de treinamento do Palmeiras, vestiu a camisa do time e conheceu o técnico Luiz Felipe Scolari, a quem se referiu como “grande chefe”. O homem mais rápido do planeta viajou a São Paulo em uma excursão pela América do Sul que já o levou ao Chile e ao Peru para participar de uma ação de marketing de seu principal patrocinador, que também é o fornecedor de material esportivo do Palmeiras.

“Isto é uma loucura”, disse o ex-atleta jamaicano ao visitar a sala de jogos do CT, equipada com mesas de pingue-pongue, sofás e videogames. Vestindo uma camisa do Palmeiras com o número 9,58, tempo do recorde mundial dos 100 metros rasos, marca que detém desde 2009, Bolt elogiou Felipão.

“O melhor, o grande chefe. Ele vai me ensinar algumas coisas”, disse nas redes sociais o campeão olímpico, arrancando gargalhadas do treinador.

Depois, foi para o campo, deu alguns toques na bola com “Periquito”, mascote do time paulista, e jogou futmesa com alguns jogadores do elenco.

Bolt, que também é recordista mundial nos 200 metros rasos com 19,19 segundos, terminou o treino com uma arrancada, uma pedalada para driblar a mascote e um chute cruzado para marcar um gol. Na comemoração, imitou o astro português Cristiano Ronaldo.

Este não foi o primeiro contato do jamaicano com o futebol, pois durante o último ano Bolt atuou pelo CC Mariners, da Austrália. Antes, chegou a treinar no Borussia Dortmund, no Sundowns, da África do Sul, e no Stromsgodset, da Noruega.